quinta-feira, 1 de abril de 2010

Maior Problema: Nós Mesmos


As vezes ficamos colocando a culpa nas pessoas que estão ao nosso lado, o mal que não deixa agente ir pra frente; mais sendo que o maior problema está em mesmos. Quando temos Deus nada nem ninguém pode nos detém, somente agente pode impedir a nossa  benção. Se estamos esperando uma coisa há muito tempo e não chega é porque nós não estamos acreditando em Deus, ou não estamos fazendo nossa parte. O fato de ser um crente certinho não garante a vitória, temos que reconhecer nossas fraquezas para que Deus Possa agir. Se as coisas não acontecem é porque existe algum problema, e esse problema  não é com Deus. E se as promessas do pai não falham, e ninguém pode segurar uma pessoa que ora e vive em comunhão com Deus, então onde está o problema? Na própria pessoa. É muito difícil admitir isso, e poucas pessoas conseguiram perceber. A questão é que, muitas vezes a pessoa que segue a Deus se esforça para cumprir com os mandamentos, e isso não é errado; o perigo é quando essa pessoa não reconhece suas fraquezas e pensa que Deus vai fazer tudo por ela, e fica esperando as coisas caírem do céu, só porque ela faz propósitos, procura não pecar, vai a igreja quase todos os dias, e andar retamente. A verdade é que Deus repara nas coisas mínimas. Se analisarmos, os erros grandes até as pessoas do mundo evitam. Existem pessoas no mundo que não roubam, não matam, não comete adultério, não mentem, não julgam o próximo; isso porque são pessoas que tem caráter. Se somente evitamos as falhas grandes que diferença estamos fazendo? São coisas mínimas que estão dentro de nós que nos atrapalham. Coisas que muitas vezes nem nós mesmos conseguimos enxergar. Por isso clamamos e não encontramos respostas para esses problemas, porque estão sendo causados por coisas que passam desapercebidos por todos. E por procurarmos o erro em coisas grandes acabamos não entendendo o motivo do fracasso em algumas áreas. São defeitos que ninguém repara que tem atrasado a vida de muitos cristãos. Devemos fazer uma análise nas coisas que ninguém percebe, e procurar consertar. Seje errinhos despercebidos, ou melhoras que temos que fazer no nosso interior para que o que está fora de si venha brilhar. Não podemos aceitar que nossa natureza venha atrapalhar nas nossas conquistas. Nosso “eu” se fragmenta em identidades, somos complexos; então muitas vezes não nos entendemos e acabamos fazendo coisas que prejudicam a nós mesmos. Se algo está repetitivamente dando errado então temos que mudar esse nosso jeitinho....E se achamos que andamos tão certinhos, então peçamos ajuda a Deus para nos mostrar em que precisamos mudar, porque quando pensamos que fazemos tudo certo fica muito difícil reconhecer um erro, ainda mais quando se trata de erros tão pequenos, que ninguém nota, mais que está impedindo nossa benção. Vamos vencer o maior problema que é nós mesmos, e todos os outros problemas se tornarão fácies de resolver.
 
Na Fé

Nenhum comentário:

Postar um comentário